0hy33uhs

Muitas vezes é difícil entender o que é a vida…

11 de novembro de 2011

Falecimento Ricardo Braga

“Muitas vezes é difícil entender o que é a vida…

Conheci e trabalhei com uma pessoa incrível durante muitos anos, fazendo inúmeros eventos, alguns exaustivos, outros extremamente prazerosos. Mas era sempre reconfortante estar ao lado de uma pessoa maravilhosa, que trazia alegria ao grupo e com a qual eu podia contar em todos os momentos.

Os anos se passaram, e cada um seguiu por um caminho diferente, ele voltou ao Rio e eu continuei no ramo de eventos.

Passados quase 25 anos, um dia estava eu, já como Presidente da Vetnil, quando esse amigo querido surgiu em nosso estande em pleno Congresso Mundial de Equinos no Guarujá. Quando nos encontramos, ficou evidente que o destino havia nos colocado novamente em contato. A primeira pergunta de ambos os lados foi: “O que você está fazendo aqui?” Ele me explicou que estava realizando um grande sonho que era fazer veterinária e que já estava no último ano; e eu expliquei que havia assumido a presidência da Vetnil, devido ao ocorrido com a minha família. Em primeiro momento, ele não acreditou. Chamei um dos meus funcionários para que confirmasse a história e a reviravolta ocorrida em minha vida. Deste momento em diante, o Ricardo vestiu nossa camisa, literalmente, e virou um apaixonado pela empresa. Iniciamos, novamente, a realização de um trabalho juntos.

O Ricardo era tão apaixonado pelo mundo equestre, que quando ocorreram os deslizamentos na região serrana do Rio de Janeiro, ele me ligou de madrugada desesperado e indignado em não poder fazer nada ao ver cavalos e pessoas sofrendo diante dos seus olhos naquela tragédia.

A realização do seu maior sonho estava começando a se tornar realidade: formou-se em veterinária e comprou um cavalo, onde pretendia unir todos os seus ensinamentos da educação física e da veterinária. Conhecendo o Ricardo, não tenho dúvida que seria um vitorioso… Mas em nossas vidas nem sempre as coisas ocorrem como gostaríamos, pois Deus tem planos diferentes dos nossos. Neste último dia 05 de novembro um câncer levou esse meu amigo. Mas tenho certeza que aonde o Ricardo estiver, estará torcendo por nós, e que sua paixão pelos cavalos e pelas pessoas continua.

Obrigada Leo Cury pela sua generosidade e seus ensinamentos ao nosso querido… Você foi um pai pra ele.

Ricardo, um dia nos encontraremos novamente e aí sim será eterno.

Vera Ribeiro e família Vetnil.”